Capacitação de professores e agentes culturais

Uma importante linha de atuação da Casa do Patrimônio de João Pessoa é a capacitação de professores, gestores escolares e agentes culturais.

A capacitação tem buscado realizar uma formação continuada com diferentes segmentos da comunidade escolar, por meio da realização de oficinas, encontros e debates para análises e reflexões sobre questões como memória, identidade e patrimônio cultural e o trabalho com esses temas em sala de aula. As primeiras oficinas ocorreram no Centro de Capacitação de Professores – Cecapro ,da Prefeitura Municipal de João Pessoa, no ano de 2009. Professores de História e Geografia da rede municipal de ensino foram os primeiros contemplados com a capacitação.

As oficinas tiveram continuidade no ano de 2010, atendendo a um público cada vez maior, abrangendo também os professores polivalentes da rede municipal de ensino.

                Para promover a capacitação, foram convidados professores da UFPB, especialistas na área do Patrimônio Cultural e de Educação Patrimônio, técnicos do Departamento de Articulação e Fomento do Iphan, entre outros. Além disso, são produzidos materiais didáticos e de referência para que o professor possa atuar com a Educação Patrimonial em sala de aula, a exemplo do jogo de memória do patrimônio cultural de João Pessoa e o Caderno Temático de Educação Patrimonial – Orientações ao Professor.

A Casa do Patrimônio de João Pessoa também foi convidada para capacitar os estagiários do Projeto “O Futuro Visita o Passado”, da Secretaria Municipal de Educação de João Pessoa – Sedec, que atende estudantes da rede municipal de ensino na faixa etária de 06 a 15 anos. Esse projeto tem por finalidade possibilitar às crianças conhecerem e trocarem impressões com os educadores sobre o Patrimônio Histórico e Cultural da cidade de João Pessoa, a partir da visualização e das informações que recebem sobre as ruas, as edificações, os monumentos, as praças e as moradias, considerando que cada local representa um pouco a história de todos os paraibanos. Desde o ano de 2009, o projeto tem atingido cerca de 18.000 alunos por ano. Os monitores do projeto que acompanham os alunos são estagiários dos cursos de História, Geografia, Turismo e Arquitetura da UFPB.

                A primeira capacitação foi realizada em 2009 e aconteceu na Estação Cabo Branco, contando com professores de História e Arquitetura da UFPB. A segunda capacitação aconteceu em 2010, no Centro Cultural São Francisco, com duração de duas semanas, contando com a participação de professores universitários de diversas áreas do conhecimento, técnicos da Superintendência do Iphan na Paraíba e da Copac/PMPJ, bem como aulas práticas em feiras livres e aulas com mestres da cultura popular, como o Mestre do Cavalo Marinho Zequinha, da cidade de Bayeux.